quarta-feira, março 19, 2008

Voltei!

Por mais que tente, não consigo abandonar este filho que vi nascer! Problemas resolvidos e dirimidos!

1 comentário:

poeta irreverente disse...

Parece-me bem ;)