domingo, outubro 28, 2007

Millennium BCP (mais uma vez)

O Millennium BCP tem uma linha que nos permite aceder aos serviços do banco através do telefone. Aliás, não conheço banco que não tenha serviço de banca telefónica. Porém, a diferença entre o Millennium e alguns dos outros bancos reside, uma vez mais, na qualidade do serviço que presta.
A linha do Millennium BCP tem o valor de uma chamada local. Ora, isto até poderia não significar grande coisa não fosse o facto de a linha enfrentar problemas constantemente. Sou cliente do Millennium desde 1999, quando este ainda era Atlântico, e já na altura tinham a banca telefónica. Desde 1999 que esta linha tem problemas atrás de problemas. Ora ligamos e o atendedor automático está avariado, dando opções e reconhecendo teclas que não foram marcadas, algo que leva o cliente a ter que desistir, ora são os operadores que nos brindam com a sua incompetência.
O Banco reconhece que ocorrem avarias com muita frequência e que a culpa é sua, mas indigna-me o facto destas avarias ocorrerem há anos e ainda ninguém as ter solucionado. Indigna-me ainda que por vezes os operadores nos mandem aguardar 10, 15 minutos, ou até mais (conforme a paciência e o saldo do cliente), para dar uma informação que com outros operadores nem sequer chega a 30 segundos.
Tudo isto (as avarias e a incompetência dos operadores) poderiam ser facilmente solucionados: se o Millennium BCP é o maior banco português, certamente não lhe custará muito suportar o custo de uma linha gratuita, sendo que desse modo os clientes podem ligar à vontade e, dependendo do tempo que aguardem, das avarias, etc, não correm o risco de ficarem lesados por algo que lhes é alheio. É tão simples criar uma linha gratuita, e é o banco que fica bem visto. Sempre é mais digno do que pedirem desculpas e os erros e os custos caírem sempre em cima do mesmo: o cliente.

7 comentários:

Pinokio disse...

Deixa de atacar os operadores. Tens muito a mania de atacar os operadores quando muitas x não têem culpa. Já alguma vez trabalhaste num call center para saber como funciona aquilo?? Praticamente não há formação e são postos ali sem saber nada, que se desenrasquem. Como também lhes dão poucos direitos e como sai um entra outro eles também não me parece que se dêem ao trabalho.

Alguns bancos têem um telefone directo para essa linha sem pagar nada, não serve de nada se tiveres noutro sitio, mas sempre ajuda quando quiseres para lá ligar e estiveres perto de um.Se estás farto de ter problemas com esse banco faz como eu, fecha a conta.

DJ disse...

Sim, já trabalhei em call center.

Sim, já trabalhei em banca telefónica durante mais de um ano.

Não, não é a primeira vez que vens aqui falar que eu não sei como funcionam call centers. Até sei melhor que tu.

Antes de mais não se deve dizer que eles não têm formação, porque para trabalhar em banca telefónica (não confundir com telemarketing dos bancos) é preciso ter formação adequada, que normalmente anda entre mês e meio a 3 meses (é assim com a do Millennium, é assim com a do Barclays, com a do Santander e com a da CGD, pelo menos). Não vai para banca telefónica destas entidades um tipo qualquer que trabalhou na TV Cabo e sabe vender canais porno a quem não precisa deles. É preciso ter formação antes!

Depois, no outro dia falavas do apoio a clientes da DECO como se soubesses como aquilo funciona. Tens que ter mais cuidado com a forma como te expressas e com o que dizes, porque por vezes tens umas saídas infelizes e que não correspondem nada à verdade. No departamento de apoio ao cliente (ou aos sócios da DECO) só trabalham licenciados em Direito e com formação adequada para poderem estar ao telefone com o cliente. Não é um tipo qualquer com o 12.º que quer arranjar uns trocados, ou um estudante de ensino superior, ainda que de Direito, que vai para a linha da DECO. Por algum motivo muitos licenciados em Direito tiram as PG's da FDL, etc, sobre Direito ao consumo.

Pensa bem nestas coisas antes de dizeres que eu não sei o que é um call center, ou a banca telefónica e a linha da Deco.

Luís Rocha disse...

LOL

Saltando os deliciosos pormenores, centremo-nos no essencial: Vc já não tinha decidido, há uma ou duas semanas, que ia encerrar essa conta?

Pinokio disse...

Lamento informar-te dj mas na linha da Deco não trabalham só licenciados em Direito. Já trabalhei com eles ao meu lado e de direito não tinham nada a não ser as respostas já formuladas no computador. Lamento mas estás enganado. Não sei se a linha que utilizas é a directa para a Deco, mas os números que a maior parte das pessoas conhece diz respeito às linhas da proteste, não da Deco, podem parecer a mesma coisa mas não são.

Quanto ao dizeres que sabes mais do que eu sobre call centers nem merece resposta. Não me parece que me conheças ou saibas sequer qual o meu emprego para dizeres que sabes mais que eu. Prepotencia até mais não.Foi um bocado infeliz, não sabes a minha idade, não sabes a minha posição, onde trabalhei,etc. Gostas de ficar por cima mesmo sem teres conhecimento de causa...

Quanto aos bancos lamento mas também estás enganado, a formação no millennium é de um mês e não podes dizer que estás preparado,a não ser que tenhas tido uma formação exemplar, e por coicidencia foi logo contigo que durou mais que um mês. Aliás, como na maior parte das vezes faltam pessoas para atender não são poucas as vezes em que se metem os coitados a atender ainda a formação vai a meio. Volto a referir que de call centers a mim parece-me que sabes pouco. A não ser que tenhas tido uma sorte imensa e tenhas ido parar a um sitio que dá a formação realmente adequada aos seus empregados.

btw, falaste duas x em telemarketing, coisa que nunca fiz e não farei.Os meus conhecimentos são de linhas de apoio a clientes,tecnicos e vendedores.Não sei se foi uma tentativa falhada de me picares mas passou ao lado.

Tita - Uma mulher, Um blog, algumas palavras disse...

As discussões neste blog são sempre tão acesas e pessoais que fico sempre inibida em comentar.

Mas a ti deixo-te um beijo e desejos de um bom dia

Luís Rocha disse...

Não diga isso Tita, são apenas típicas guerras entre ficção e realidade.

Mas a inibição é boa e agradece-se.

Pinokio disse...

Em cima exprime-me mal. Quando disse que trabalhei com pessoas da Deco, quis foi dizer que trabalhei com pessoas da proteste que atendem os associados da Deco e lhes indicam respostas previamente formuladas. Existe a linha directa da Deco, da qual não tenho informação. Mas como a maioria das pessoas liga é para a linha da proteste fica aqui a explicação.