quinta-feira, julho 20, 2006

Os projectos

Depois do dia de ontem pleno de emoções, tenho 4 coisas a dizer, e 3 delas imperativas.

1º o que tenho a dizer: estes gajos deram-me o canudo e não sabem o que foram fazer! Mas alguém se atreve a dar uma arma destas a um gajo como eu? Querem que a aproveite bem? Ok, lá vou eu! Utilizá-la em todas as frentes possíveis e imaginárias. Ah... e o meu muito obrigado, sincero, pelo mesmo.

As 3 imperativas:
- Doravante recuso-me pagar qualquer conta que seja que não seja acompanhada do título de Dr. (não comunico nada às pessoas, mas eles têm que olhar para mim e pensar "ok... temos doutor", se não o fizerem, é porque não são dignos que eu pague as contas);
- Querem apoio jurídico? Aconselhamento? Uma explicaçãozinha? Ok. 500€ a consulta. Coisa pouca, tendo em conta a qualidade do serviço.
- Apresento desde já a minha candidatura à Ordem dos Advogados. Comecem a contar, desde já, com este candidato. Na altura em que o fizer na prática, terei muitos planos, ideias, etc. Até lá... há tempo! Mas fica a candidatura apresentada.

3 comentários:

Poeta Irreverente disse...

Oh meu Deus, mais um psicopata com diploma...

Sãozinha disse...

OA????Mais vale fugir, que isto da advocacia foi chão que já deu uvas!

DJ disse...

sãozinha, acredito piamente que são as pessoas que estragam as coisas e os conceitos, porque a essência das coisas ninguém lhas tira. Podem tapá-la, escondê-la (como acontece muitas vezes), mas acredito que seja sempre possível fazer mais e melhor. Depende do ânimo com que cada um se emprega nas coisas. Ou vai de corpo, alma, coração e sangue, ou não vale a pena.
Acredito que a advocacia ainda pode dar muita uva, e não se fica pela parra.