sexta-feira, setembro 16, 2005

Tributo ao fim do Verão



NA PRIMAVERA O AMOR ANDA NO AR
NA PRIMAVERA OS BICHOS ANDAM NO AR
NA PRIMAVERA O POLÉN ANDA NO AR
E EU NÃO CONSIGO PARAR DE ESPIRAR

NO VERÃO OS DIAS FICAM MAIORES
NO VERÃO AS ROUPAS FICAM MENORES
NO VERÃO O CALOR BATE “RECORDS”
E OS CORPOS LIBERTAM SEUS SUORES

EU GOSTO É DO VERÃODE PASSERMOS DE PRANCHA NA MÃO
SALTARMOS E RIRMOS NA PRAIA
DE NADAR E APANHAR UM ESCALDÃO
E AO FIM DO DIA BEM ABRAÇADOS
A VÊR O PÔR DO SOL
PATROCINADO POR UMA BEBIDA QUALQUER

NO OUTONO A ESCOLA AMEAÇA ABRIR
NO OUTONO PASSO A NOITE A TOSSIR
NO OUTONO HÁ FOLHAS SEMPRE A CAIR
E A CHUVA FAZ OS PRÉDIOS RUIR

NO INVERNO O NATAL É BARIL
NO INVERNO ANDO ENGRIPADO E FEBRIL
NO INVERNO É VERÃO NO BRASILE NA SUÉCIA SUICIDAM-SE AOS MIL



by Furia do Acuçar Copy Paste by Militante Honorario do POUS

1 comentário:

DJ disse...

Que saudades do verão....