terça-feira, junho 14, 2005

Pergunto-me, questiono-me, reflicto.

Todos os elogios (póstumos) feitos a Álvaro Cunhal, até porque temos uma tendência algo hipócrita para beatificar os defuntos, aplicar-se-iam também ao Prof. Dr. Oliveira Salazar, mas quem tem hoje a coragem de os proferir?




Perdoai meus amiginhos da dogmática e cega esquerda, mas Salazar foi um lutador integro e coerente que dedicou, total e absolutamente, a sua vida em prol do país, em prol daquilo que acreditava ser o melhor para o país. Frente a Cunhal teve uma vantagem ainda: teve a oportunidade de tomar as rédeas de um país desgovernado, destravado, feito em cacos e ergeu-o. Saíu vitorioso...

Pelo exemplo que o General Vasco Gonçalves deu quando teve a mesma oportunidade, podemos especular o que teria acontecido se a U.R.S.S. tem apoiado a guerra civil que Cunhal estava disposto a travar para tomar o poder e hoje, abençoariamos a morte de Cunhal como alguns abençoaram a morte de Salazar.



Ainda assim, não sou tão intransigentemente obtuso que lhe não reconheça, a Cunhal, um valor próprio e único, contextualizado, integrado em determinada realidade que em nenhuma outra figura política do outrora e do agora se revela.

Deste modo se marcam as diferenças, na capacidade de valorizar aqueles com quem não concordamos, a capacidade de lhes não termos um ódio cego e manifestamente injusto que nos é incutido como um dogma mais próprio de uma religião que de uma ideologia.

7 comentários:

Slash disse...

a grandeza de salazar desculpem me la mas vou ter de tirar uns minutos para Rir em primeiro lugar e depois para ponderar sobre o assunto.........

por estranho que possa parecer concordo salazar foi de facto grande se tivesse saido do governo 1 dia depois do armisticio da II guerra mundial possivelmente estariamos neste momento a celebrar o dia de Portugal Camoes Salazar e as comunidades portuguesas os juizos de valor historico devem ser feitos de modo desapaixonado e desse modo deve ser dado credito ao salazar de ter estabilizado o pais apos o desastre que foi a primeira republica com perto de 20 PR em 11 anos se não me engano. Mas a que preço .......... será que a vida de milhares de portugueses que morreram nos calabouços da policia politica ou nos Resorts para ferias que eles tinham ou nas matas das colonias não devem falar mais alto....... um escritor um dia pergunto "what does it profit a man to win the world if he loses he soul" eu pergunto quanto sangue será nessecario ter nas mãos para que uma coisas bem feita seja apagada....... 1 , 2 100, 1000....

Como se pode ousar apelidar de grande homem o salazar sim fez coisas bem feitas mas será que elas valem uma vida humana que seja será que valem mais que 48 anos de trevas medievais será que valem mais que um só portugues por um só minuto não possa viver como Homem em liberdade e democracia..... Eu digo que não ai secalhar esta a diferença entre a esquerda e o resto ......

Comparar Salazar com o Cunhal é descabido podemos dizer que sim de facto o que se passou no verão quente com esquerda e direita com posiçoes extremadas e sangue na mente de ambos os lados foi de facto um periodo triste da historia e que se calhar não foi melhor conduzida por Cunhal mas...... digam me um coisa .... quantos dias sofreu cunhal na pele para que hoje existisse democracia em portugal ....... quantos privações passou por ele pelos seus amigos pelos seus familiares pelos seus camaradas por todos os portugueses ????? quantos dias passou Salazar na sua secretaria a passar sentenças de morte ???
Não teve no poder talves tenha sido bom porque o Poder corrompe e assim temos um exemplo de como um politico DEVE ser e não apenas a imagem de um velho totalitario que cai da cadeira....

E voçes vão dizer .... Sim mas ele tentou dar a volta a isto ..... que andasse mos todos a cantar a internacional ..... Sim ... pode ser que seja verdade....... assim respondo simplesmente dizendo que o mundo era outro existiam ideias existiam ideologias se calhar não as melhores.... Ao contrario do tango uma guerra civil não precisa de dois para começar apenas 1 e se não começou por alguma coisa foi secalhar porque o Cunhal tambem não queria ...... Ahhh que que ideia revolucionaria os Comunistas não comem criançinhas ao pequeno almoço ..... Se calhar o Cunhal não é besta sedenta de sangue que querem pinta-lo apenas uma pessoa marcada pelas convicçoões que teve de defender como estando acima de tudo.......Se calhar tambem muita gente de direita estava interessada em voltar atras no tempo e secalhar tudo seja consequencia de um tempo em que portugal estava de cabeça perdida ........não sei não estava lá apenas levanto hipoteses porque 30 anos é pouco tempo para se saber seja o que for sobre historia como se costuma dizer "a historia escrevem-na 50 anos apos os factos se darem espero ca estar para a estudar.....


Tudo isto para dizer que Cunhal foi um homem com H grande e compara-lo com o salazar realmente .... é triste... pelo menos nesta altura




Ass. Militante Honorario do POUS (não PCP) em luto

LM disse...

Necessario será ler Maquiavel para avaliar da grandeza de um homem...
O amigo Slash está toltado pelo dogma. Se bem (re)ler os meu posts, por certo dará conta de que eu não retiro valor algum a Cunhal e, logicamente, não podia nunca fazer a apologia dos métodos salazaristas.
Já que parece não dedicar tanta atenção à leitrua da opinão alheia como à exaltação exarcebada de um ideal, como que se de uma fé se tratasse, passo a transcrever:
''Ainda assim, não sou tão intransigentemente obtuso que lhe não reconheça, a Cunhal, um valor próprio e único, contextualizado, integrado em determinada realidade que em nenhuma outra figura política do outrora e do agora se revela.'' e ainda
''(...)no entanto não duvidamos que este Santo António levou um Homem com H, daqueles que já não se fazem, daqueles que se dedicam à coisa pública séria e honestamente. Esta conduta merece-nos o maior respeito e consideração.''
Caro Slash, a contradição da esquerda é exactamente essa. Defender a liberdade de expressão e a tolerância não faz só sentido numa ditadura de Direita, também devemos defendê-la quando se reflecte em críticas contra a esquerda.
Termino dizendo que triste não é comparar Cunhal a Salazar ''pelo menos nesta altura'', pois são dois homens incomparáveis, triste é fazer o elogio das pessoas só porque desapareceram, esquecendo que como humanos cometeram erros, têm defeitos, pondo de lado a clarividência e a lucidez. Compreendo que para um militante honorário do POUS assistir à morte de Cunhal é como para um católico assistir à morte do Papa...
E será assim tão diferente?

LM disse...

Devo dizer que folgo também em saber que as minhas palavras provoquem em si o riso. Também ao ler todos os seus posts/comentários não consigo esconder um sorriso sarcástico, mais que pelo conteúdo, pela FORMA.

Slash disse...

De facto ..... Confesso sou uma pessoa toldada pelo dogma .... pronto ai esta... pronto já o disse .... não custou muito....quando digo que me ri fi-lo de facto pela surpresa pronto pareceu me algo tão estranho parecem personalidades tão antagonicas que o a minha primeira reacção foi de facto o riso sarcastico.... e não disse que o meu caro que não tinha reconhecido o valor de Cunhal mas ao compara-lo com salazar apesar de no meio do post reconhecer a sua grandeza na minha opinião contradiz-se e por isso senti a necessidade de de uma forma debil(reconheço que não tenho o dote de palavra e que os meus posts deixam muito a desejar a todos os niveis) esboçar uma defesa contra o que para mim parece um conceito .... Estranho....e contraditorio Cunhal foi grande mas as suas virtudes eram as mesmas que Salazar logo Salazar era grande (estas permissas logicas dão me cabo da cabeça)
De facto como disse anteriormente Cunhal cometeu erros Muitos e se calhar até muito grandes mas parece me que no entanto a figura continua escondida no nevoeiro das paixoes politicas e que não se poderá tão cedo se exigir um juizo historico exacto..... Mas confesso que tenho os nervos a flor da pele e que nestes dias tenho reagido as coisas com uma agressividade e combatividade exacerbada pouco caracteristica da minha propria natureza..... de facto és capaz de ter razão o desaparecimento do "Papa" do comunismo portugues talves tenha algo a ver com isso .....
a unica critica com a qual não posso concordar é que me digas que não li bem porque de facto ponderei se devia ou não comentar e li atentamente o post....mas como disse pareceu me que reconhecer a grandeza de um homem depois daquela comparação pareceu me demasiado antagonico e porventura pouco sincero..... Mas não sendo esse o caso reconheço que posso ter reagido demasiado a quente......
Apesar de ter ja lido e relido o Principe não posso reconheçer a doutrina de maquiavel como medida para reconhecer a grandeza seja de quem foi..... os meios não justificam os fins sejam eles quais forem.... mentir e enganar o povo nunca é bom......fazer o mal em nome do estado para a perpetuação do poder é horrivel..... etc...

mas de novo confesso a minha reacção pode ter sido exagerada mas estou de luto e o sangue corre quente nas minhas veias nestes dias.... e cai no erro que muitas vezes tenho apontado a muita gente de esquerda.... não reconheci o direito a opinião diferente a liberdade de expressão que tanto defendo tenho portanto de me penetenciar..... Mais um exemplo da verdade do proverbio "Bem prega Frei tomas faz o que ele diz não faças o que ele faz" mas pronto estou de luto talves seja por isso...... Espero no entanto que não se torne cunhal numa figura como sa carneiro que não exista esse culto de personalidade isso seria mal ja que tal como apontas e bem ele cometeu muitos erros e foi um homem do seu tempo e o futuro pertençe as ideias novas e não ao "fantasma do natal passado" isso é secalhar o meu unico voto para o futuro assusta me que algo como isso aconteça no PCP (Pous é diferente de PCP) assusta me pois apesar de discordar de Darwin confesso que a teoria da evolução quando aplicada as ideias politicas é o unico caminho para a manutenção da frescura e evolução dos partidos e do país.... Que se reconheça a grandeza e que por aí termine a "glorificação" da personalidade de cunhal que a sua continuação seja apenas nos livros de historia......


"Não a maior gloria para um guerreiro que os elogios dos seus adversario" - Latin Proveb





Ass. Militante Honorario do POUS em flagelação

Filipe de Arede Nunes disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
JCS disse...

Grande post LM, GRANDE POST!

PedroSilveira disse...

lamentável post!

PMAS